Páginas

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Hora de receber 2011 ...

2011 tá chegando... final de ano sempre é corrido e o tempo parece que voa.. O importante neste fim de ano, e que para muitos torna-se uma missão muito difícil, é praticar o desapego. Ser grato por tudo que aconteceu em 2010 ( de bom e de ruim) e saber a hora de reconhecer que um novo ciclo iniciará.
É como eu costumo dizer: é a melhor hora de fazer a faxina da vida: limpando tudo que não serve mais ( pessoas, emoções, trabalhos, sentimentos) e abrindo espaço para o novo...

Sempre no dia 30/12. costumo escrever uma lista com tudo que desejo para o ano que está para chegar, e ao mesmo tempo, é hora de ler o que foi escrito no ano que passou. Analisar o que deu certo e o que não deu certo e refletir...

Após escrever os meus pedidos, gosto de fazer uma meditação de visualização :  acendo uma vela, relaxo e visualizo tudo o que estou desejando já acontecendo: sim no plano presente. É uma meditação deliciosa e que acaba sendo muito sensorial. O objetivo é viver e sentir como se todos os seus pedidos já fizessem parte do seu cotidiano: é maravilhoso. Terminando a meditação, é hora de um banho energético, que atrai muitas energias positivas. Receita para o banho:

- 1 litro de água
- 1 colher de sopa de mel
- 1 girassol - pode ser substituído por rosas brancas.
- 3 cravos da índia
- 3 canelas em pau
- 3 gotas de óleo essencial de flor de lótus ou de rosas

Espere a água ferver, desligue o fogo e coloque todos os ingredientes. Abafe e aguarde esfriar. Após o banho normal, jogue da cabeça para baixo : imaginando que tudo que não serve mais está indo embora e que coisas maravilhosas estão chegando para você ;)

O próximo ano será regido por mercúrio e possui o número 4.Tradução para isso : muito foco e muito trabalho!!! Um ano que exige determinação, foco, fé e coragem. Por isso, quero compartilhar com vocês uma carta do tarot zen do Osho : Coragem

Mas antes de escrever o que esta carta significa, quero desejar a todos um lindo Natal e um 2011 maravilhoso....




A semente não pode saber o que lhe vai acontecer, a semente jamais conheceu a flor. E a semente não pode nem mesmo acreditar que traga em si a potencialidade para transformar-se em uma bela flor. Longa é a jornada, e sempre será mais seguro não entrar nessa jornada, porque o percurso é desconhecido, e nada é garantido. Nada pode ser garantido. Mil e uma são as incertezas da jornada, muitos são os imprevistos -- e a semente sente-se em segurança, escondida no interior de um caroço resistente. Ainda assim ela arrisca, esforça-se; desfaz-se da carapaça dura que é a sua segurança, e começa a mover-se. A luta começa no mesmo momento: a batalha com o solo, com as pedras, com a rocha. A semente era muito resistente, mas a plantinha será muito, muito delicada, e os perigos serão muitos.

Não havia perigo para a semente, a semente poderia ter sobrevivido por milênios, mas para a plantinha os perigos são muitos. O brotinho lança-se, porém, ao desconhecido, em direção ao sol, em direção à fonte de luz, sem saber para onde, sem saber por quê. Enorme é a cruz a ser carregada, mas a semente está tomada por um sonho, e segue em frente.

Semelhante é o caminho para o homem. É árduo. Muita coragem será necessária.
Osho Dang Dang Doko Dang Chapter 4

Comentário:
Esta carta mostra uma pequena flor silvestre que enfrentou o desafio das rochas, das pedras em seu caminho, para aflorar à luz do dia. Envolta em brilhante aura de luz dourada, ela exibe a majestade do seu pequenino ser. Sem nenhum constrangimento, equipara-se ao sol mais brilhante.
Quando nos defrontamos com uma situação muito difícil, há sempre uma escolha: podemos ficar repletos de ressentimentos e tentar encontrar alguém ou alguma coisa em que pôr a culpa pelas nossas dificuldades, ou podemos enfrentar o desafio e crescer.
A flor nos mostra o caminho, na medida em que a sua paixão pela vida a conduz para fora da escuridão, para o mundo da luz. Não há nenhum sentido em se lutar contra os desafios da vida, ou tentar evitá-los ou negá-los. Eles estão aí, e se a semente deve transformar-se na flor, precisamos passar por eles. Seja corajoso o bastante para transformar-se na flor que você foi feito para ser.
http://www.osho.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações, citada a autora e a fonte www.dicasterapeuticas.blogspot.com